APRASC comemora fim da prisão administrativa disciplinar

Geral

Nota de repúdio
18/11/2019

A APRASC vem a público manifestar o seu repúdio e indignação diante da confusão generalizada ocorrida na Praça do Villa, localizada na Praia do Mar Grosso, em Laguna, na madrugada deste domingo (17/11). Na ocasião, uma policial foi encaminhada ao Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus dos Passos com ferimentos na cabeça. A militar recebeu cinco pontos na cabeça, mas passa bem. Além dela, outros quatro policiais foram atingidos por objetos atirados pelas pessoas que estavam no local. 

Assim que tomou conhecimento do fato, a diretoria da APRASC colocou a equipe interdisciplinar da Associação a disposição, em especial, o Corpo Jurídico para prestar todos os auxílios necessários. A APRASC está acompanhando o caso, através do seu Jurídico, e espera que os envolvidos sejam identificados e punidos.

De acordo com informações, os policiais militares montaram uma operação para coibir o tráfico de drogas, brigas e som alto na localidade. No momento em que as guarnições da PM chegaram à Praça do Villa, foram recebidas com gritos ofensivos e algumas pessoas arremessaram pedras e garrafas contra os militares. 

Os policiais utilizaram gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar os envolvidos. Não foi possível identificar os agressores, que acabaram fugindo do local, mas a praça possui câmeras de segurança que devem auxiliar nas investigações da Polícia Civil. 

 

Galeria de Fotos
[ Últimas notícias ]
POLICIAIS E BOMBEIROS MILITARES LUTANDO PELA SEGURANÇA DA SOCIEDADE
  • (48)3223-2241

Associação de Praças de Santa Catarina - Rua Raul Machado, 139 Centro - CEP: 88020-610 - Florianópolis/SC

Horário de funcionamento
Segunda a sexta-feira 8h às 12h e 14h às 18h